(Last Updated On: 2 de fevereiro de 2018)

Empresas de todos os segmentos buscam formas de se tornarem mais eficientes em seus processos, mais competitivas no mercado e conquistarem mais oportunidades de negócios. Transformar todas essas intenções em realidade pode ser um processo árduo, mas bastante compensador no final.

O mesmo se aplica a transportadoras que aspiram aprimorar a sua operação e aumentar as suas chances de crescimento. Uma das chaves para alcançar esse propósito é a aplicação de tecnologia no transporte de cargas.

O seu impacto vai muito além da automatização de tarefas, pois também modifica a estratégia da empresa e oferece novas perspectivas. Assim, você precisa saber se vale a pena realizar o investimento e ajudar o seu empreendimento a crescer.

Amplo controle sobre a frota

No cotidiano de pequenos empreendimentos, um dos principais empecilhos para a aquisição de softwares de gestão é o valor do investimento. Muitas vezes, os gestores pensam somente em termos monetários e não consideram o impacto que recursos modernos podem ter para revitalizar toda a organização.

Contudo, existem desenvolvedoras de sistemas no mercado que pensam em oferecer serviços que se adaptam à necessidade de cada cliente. Assim, os preços podem ser negociados com base no número de veículos que a transportadora deseja controlar.

O gerenciamento da frota é um recurso utilizado para dar visibilidade a todas as atividades que envolvem o uso dos veículos da frota. Isso que dizer que é possível apurar a quilometragem percorrida por rota, bem como o consumo de combustível. A velocidade mantida e quantidade de paradas realizadas durante o trajeto são parâmetros que o gestor também pode verificar de forma prática.

Tais funcionalidades são a base de uma gestão que integra todas as áreas da empresa e tem condições de se tornar mais competitiva.

Obrigações fiscais em dia

Os profissionais da área entendem que a operação logística é complexa e exige a emissão de diversos documentos fiscais bem como o pagamento de tributos que incidem sobre o serviço de transporte rodoviário. Com esse atributo em mente, a decisão de implantar algum tipo de tecnologia no transporte de cargas aumenta a segurança do processo.

A Secretaria da Fazenda exige uma série de procedimentos para emissão e validação dos documentos fiscais antes que a etapa de remessa seja iniciada. O CT-e deve ser emitido primeiro, em seguida precisam ser expedidos os documentos auxiliares que acompanham a carga até o destino.

Esse é um volume de trabalho que consome tempo e recursos da equipe. Por isso, a automatização pode ser a solução para tornar o trabalho mais ágil e prevenir a incidência de erros.

A facilidade para o cálculo dos impostos devidos na prestação de serviços representa uma grande vantagem, pois tem a capacidade de evitar penalizações causadas pelo envio de informações incorretas ou incompletas.

O sistema pode ser parametrizado para cobrir todas as necessidades tributárias, inclusive da folha de pagamentos de funcionários e motoristas autônomos.

Localização dos veículos em tempo real

O GPS (Global Positioning System), termo que pode ser traduzido como Sistema de Posicionamento Global, é considerado um dos maiores aliados das empresas de transporte. A sua tecnologia de localização por meio de satélites revolucionou a área e trouxe mais segurança para a movimentação de mercadorias.

Atualmente, o seu uso é amplamente democratizado e acessível para pequenos e grandes empreendedores. Essa ferramenta atua principalmente como meio de rastrear cada veículo, porém podem ser incluídos itens que acrescentam ainda mais segurança. Todo o trajeto e eventualidades ocorridas são registrados pelo sistema e podem ser consultados posteriormente.

As estradas brasileiras são fonte de risco para as transportadoras, como é caso do roubo de cargas. Para solucionar esse obstáculo, podem ser instaladas aplicações para a prevenção de furto. Com isso, o veículo pode ser bloqueado remotamente pela equipe em casos de irregularidades.

Essa funcionalidade cresceu tanto que hoje dispositivos móveis são compatíveis com o sistema. Isso quer dizer que, além de computadores, os usuários podem acompanhar as cargas utilizando celulares e tablets com conexão à internet.

Gestão compartilhada pelo cliente

A experiência dos clientes também tem papel importante no gerenciamento de frotas. Para colocar a gestão compartilhada em prática, é preciso contar com a tecnologia no transporte de cargas. De acordo com a política de cada transportadora, o nível de participação das empresas contratantes pode variar, porém, é requerido fornecer transparência e informações precisas para que essa medida funcione corretamente.

Um dos fatores mais importantes para os clientes é a medição do desempenho da transportadora e o seu impacto nos resultados. Por isso, o acompanhamento das entregas bem como o atendimento dos prazos acordados são fundamentais. Afinal, essas são cláusulas contratuais que devem ser cumpridas.

Esse aspecto também exige um alto nível de integração entre ambas as organizações, além da construção de um relacionamento de parceria entre as equipes. Uma das formas de medir a performance é por meio de relatórios gerenciais e o atendimento das metas determinadas.

Planejamento da rota ideal para cada entrega

A tecnologia no transporte de cargas torna o processo mais seguro e eficiente em virtude da sua automação. Entre os recursos mais valorizados, está a criação de rotas para a remessa de mercadorias. Entre os resultados que podem ser obtidos no seu negócio estão:

  • redução nos custos de combustível;
  • monitoramento completo do andamento das entregas;
  • redução do tempo até o recebimento das mercadorias pelos clientes;
  • otimização do espaço disponível no veículo;
  • redução dos gastos com manutenção e reparos;
  • racionalização do uso da frota.

Além disso, também é possível monitorar a aderência às rotas previamente estabelecidas e acompanhar caso o motorista realize algum desvio imprevisto. Essa função também ajuda a evitar o tráfego e diminui os casos de atrasos na entrega que possam comprometer o serviço prestado aos clientes.

Mecanismos de controle cada vez mais eficientes representam uma importante diferença para que as empresas permaneçam competitivas e se diferenciem da concorrência.

Qual é a importância do transporte rodoviário?

É um fato consolidado que o desenvolvimento econômico, nas diversas esperas do mercado, depende do setor de transportes. Desde a movimentação de alimentos até o transporte de passageiros, passando pelo escoamento de produtos nacionais e importados, o impacto da logística pode ser observado.

O desenvolvimento econômico do país tem profunda relação com os serviços de transporte, em especial no modal rodoviário. Com isso em mente, é possível reconhecer a relevância que a tecnologia no transporte de cargas tem para o mercado.

Conheça ainda mais sobre a importância de adquirir um sistema de gestão de frota eficiente. Confira o post sobre o assunto em nosso site!

Quer saber sobre mais assuntos como esse? Nos siga nas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.