Você sabe qual a importância da gestão de transportes? Em um mundo globalizado, com um mercado concorrido e consumidores cada vez mais acostumados às compras on-line, a logística e, em especial, o transporte de cargas se apresentam como imprescindíveis para o crescimento empresarial.

Entretanto, por envolver processos complexos e enfrentar inúmeros desafios diariamente, somente por meio de uma gestão eficiente e monitoramento constante dos resultados é que o transporte pode se tornar um grande diferencial competitivo.

Diante desse cenário, trouxemos para o blog um conteúdo que tem como finalidade demonstrar o quanto a gestão de transportes pode contribuir para o crescimento de sua transportadora e, claro, de seus clientes.

Continue com a leitura e aprenda um pouco mais!

Processos logísticos de transporte: um custo elevado para as empresas

A logística é apontada como um setor estratégico dentro do cotidiano corporativo. Afinal, uma empresa dificilmente conseguirá atender as demandas de seus clientes e se adaptar ao mercado se não tiver processos logísticos eficientes.


No entanto, além de importante para toda a operação empresarial, ela pode representar um de seus maiores gastos. Estima-se que um negócio gasta em torno de 15% de sua receita com logística e, desse percentual, 60% é dedicado ao transporte.

Com isso, é possível concluir que o transporte deve ser gerenciado com atenção e zelo, uma vez que a redução de custos e o aumento da qualidade desse serviço são metas possíveis de serem alcançadas por meio de uma gestão responsável.

Ademais, como você sabe, ter uma empresa e transportadora competitiva exige um bom controle de gastos. Quando os custos com transporte são reduzidos, é possível ofertar um serviço mais barato e atrair ainda mais clientes.

A importância da gestão de transportes na atualidade

Diante do que foi apresentado, é interessante enfatizar que, muito além de reduzir gastos com transporte, a gestão equilibrada desse recurso é um fator decisivo para o crescimento de qualquer negócio.

As empresas contemporâneas estão cada dia mais dependentes do transporte rodoviário e isso precisa ser acompanhado de perto.

No Brasil, mais de 60% dos produtos e mercadorias são distribuídos por meio de rodovias, e isso coloca as transportadoras em uma posição de destaque no mercado. Mas, para conseguir atender a toda essa demanda, são necessários investimentos em tecnologia e gestão.

Portanto, o almejado crescimento — seja para as transportadoras, seja para as empresas que contratam esse serviço — só é possível quando se tem um foco muito claro na melhoria da gestão e no monitoramento do transporte, e deve levar em consideração inúmeros aspectos, como:

  • sistema de distribuição;
  • controle de estoque;
  • centros de distribuição e galpões bem localizados;
  • frota de veículos moderna;
  • manutenção de veículos em dia;
  • custos com mão de obra.

Patrimônio, processos e pessoas: a chave para uma gestão eficiente

O transporte rodoviário de cargas, de fato, tem uma vantagem expressiva em relação aos demais modais de transporte, especialmente por conseguir entregar as mercadorias em qualquer ponto do território. No entanto, isso não é suficiente para conquistar o sucesso.

É preciso observar que uma boa gestão de transportes está relacionada a três importantes aspectos: patrimônio, processos e pessoas.

Patrimônio

Em relação ao patrimônio, toda transportadora e empresa que gerencia e executa suas próprias entregas sabe o quanto é importante manter os veículos e máquinas operantes em boas condições.

Processos

Ao analisarmos os processos, encontramos um dos maiores desafios da gestão de transportes. A complexidade e os impactos de uma execução inadequada são expressivos e comprometem a saúde do negócio.

Por isso, estar sempre atento ao faturamento, margem de lucro, custos fixos e variáveis, precificação do serviço e adequação fiscal é uma obrigação tão relevante quanto os cuidados com a frota. Ou seja, essas responsabilidades são importantes não apenas para a logística e para o processo de transporte, já que afetam a saúde financeira de todo o negócio.

Pessoas

Por último, a gestão de pessoas — considerada como um grande obstáculo para boa parte de gestores e empreendedores do ramo — merece um cuidado especial, já que é mais difícil de ser controlada e mensurada.

Gerir uma equipe é, de fato, um desafio. Não basta ser chefe, é preciso desenvolver habilidades de liderança e adquirir muito conhecimento prévio.

Responsáveis por colocar toda a máquina empresarial em funcionamento, realizando cotações, operando máquinas e equipamentos, manuseando mercadorias, conferindo estoque e negociando com clientes e fornecedores, as pessoas são o seu maior bem e devem ser gerenciadas com eficiência.

Por isso, invista em feedbacks, treinamentos constantes e em implementação de tecnologias que auxiliem o trabalho e simplifiquem o dia a dia no setor de transportes.

A importância de apostar em tecnologia na gestão de transportes

Como é feita a gestão de transportes em sua transportadora? Caso ainda adote processos manuais, talvez seja o momento de estudar a implantação de alguns recursos tecnológicos.

Dizer que a gestão de uma transportadora e de todos os seus setores e procedimentos é uma tarefa difícil, não é nenhuma novidade. Existem diversos detalhes a serem conferidos e, por isso, confiar todos eles a um funcionário ou planilhas no Excel deixou de ser a melhor opção.

Em resumo, o investimento em um bom software de gestão de transporte pode tornar o seu cotidiano mais eficiente e seguro. Isso porque diversas atividades, responsabilidades e setores se beneficiam com a automatização, como:

  • setor comercial e o contato com clientes e fornecedores;
  • setor operacional, simplificando a manutenção e gestão de frota;
  • acerto com motoristas;
  • geração automática de boletos;
  • emissão de documentos fiscais, como CT-e, MDF-e e NF-e;
  • acompanhamento e monitoramento de cargas.

Após a leitura de todas essas informações, não fica difícil compreender a importância da gestão de transportes para o sucesso de uma empresa. Aliás, esse processo favorece não apenas a logística e o transporte em si, como possibilita um crescimento saudável e estruturado de todos os setores do empreendimento. Por isso, não deixe de investir e trabalhar para alcançar uma gestão mais eficiente e moderna. Sua transportadora e seus clientes têm muito a ganhar!

Quer ficar sempre antenado com as novidades sobre o universo do transporte de cargas? Siga a nossa página no FacebookLinkedInTwitter e YouTube!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Quer ficar por dentro de tudo sobre + transportes?